O que é Contabilidade Incorporação

A contabilidade no ramo da incorporação imobiliária deve atender dois aspectos, um deles é com o intuito de atender as normas fiscais e o outro as normas societárias, sendo que entre os dois aspectos existem diferenças no tratamento da informação.

Atende as finalidades societárias que devem estar de acordo com as Normas de Contabilidade e as exigências da legislação fiscal. A contabilização pela norma contábil reconhece a receita em função do custo efetivo enquanto que para o cumprimento fiscal a receita é reconhecida pelo regime de caixa.

Contábil

Possuímos conhecimentos atualizados para realização da contabilidade de sua construtora, seja para atender no âmbito fiscal ou no âmbito societário.

Atualmente o desafio na adequação entre as normais contábeis brasileiras em adequação com as normas contábeis internacionais, como exemplo o reconhecimento de receita pelo (POC), ou reconhecimento de receita somente no momento de transferência da unidade para o cliente, enfim discussões como estas sobre mensuração de receitas que refletem na análise das demonstrações financeiras.

Compreendemos a importância de um trabalho sério junto as necessidades dos clientes, sejam elas perante as empresas de auditorias, instituições financeiras ou órgãos públicos.

Fiscal

Colaboramos para o melhor aproveitamento tributário conforme a realidade de sua empresa.

Seja em apurações isoladas através de SPE, ou mesma em conjunto na matriz, o estudo de fluxo de caixa, pois como exemplo podemos citar o RET(PATRIMÔNIO DE AFETAÇÃO) que fixa a alíquota em 4%, mostrando em um primeiro momento uma incrível vantagem em optar devido à redução de impostos, pode se tornar em uma barreira para manutenção das CERTIDÕES FISCAIS da empresa, pois esta forma de pagamento não permite parcelamento.

Obrigações acessórias especificas para o setor como exemplo a DIMOB, e cuidados nas demais obrigações que possuem particularidades como exemplo EFD-CONTRIBUIÇÕES, dentre outras.

Regularização

Desde o primeiro recurso aplicado no empreendimento, deve-se ser feito planejamento para que no final consiga gerar Habite-se e Certidões.

Para tanto deve ser feito estimativa da mão de obra própria e de terceiros que serão utilizadas nesta CEI, pois serão aproveitados junto ao INSS e ISS.